PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

whatsapp-logo (1).png

Diagnóstico do empreendimento e análise quantitativa e qualitativa dos resíduos produzidos.

Compilação e estudo dos dados para a formulação do plano de gerenciamento de resíduos sólidos.

Implementação do plano de gerenciamento da etapa anterior e manutenção.

O que é um PGRS?

    O Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos consiste na identificação e solução mais adequada e econômica para os resíduos gerados pelo cliente, apresentando as melhores possibilidades de destinação ou reaproveitamento desses resíduos.

    Com o aumento da geração de resíduos sólidos pela sociedade, a gestão e destinação desses resíduos tem se tornado um problema cada vez maior, levando em conta que a destinação incorreta potencializa desastres naturais como enchentes e pode proporcionar condições para o aumento local de doenças como dengue, chikungunya e infecção por zika vírus, por exemplo. Além disso, a falta de técnicas de reaproveitamento desses resíduos gerados implica no aumento do custo de energia para processar o resíduo e gerar um novo material, consumindo mais recursos naturais.

    Para controlar esses problemas, através do Plano Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS) é possível planejar e executar os procedimentos e técnicas para coleta, manuseio, armazenamento, transporte e disposição dos resíduos sólidos produzidos por parte do cliente, com o mínimo de riscos para os seres humanos e para o meio ambiente, de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos (lei nº 12.305/2010). Como resultado final para o cliente, o serviço de PGRS implementará técnicas como coleta seletiva, além de outras, a depender da realidade e necessidades do cliente.